|terça, 19 Junho 2018

Prefeitura investirá R$ 51 milhões em obras de mobilidade urbana na Capital

O investimento foi aprovado mediante votação pela Câmara Municipal

COMPARTILHECOMPARTILHE

A Prefeitura de Cuiabá vai investir R$ 51 milhões em duas novas obras de infraestrutura, ampliando e aprimorando a mobilidade urbana da Capital. Destinados para a construção do viaduto que liga a Avenida Beira Rio com a Ponte Sérgio Mota e outro que engloba a Avenida das Torres e Avenida Itália, os recursos são oriundos de um financiamento  a ser formalizado junto ao Banco do Brasil. O investimento, que fora aprovado mediante votação pela Câmara Municipal, eliminará dois dos maiores gargalos no trânsito da cidade, conferindo trafegabilidade, fluidez, além de reduzir o tempo de viagem dos condutores cuiabanos.

“Nossa terra possui um enorme potencial e está passando por um estrondoso processo de desenvolvimento, com um crescimento exponencial que se reflete diretamente na mobilidade urbana da cidade. Sabendo que o trânsito é um dos maiores conflitos de qualquer metrópole, queremos atuar de maneira preventiva, evitando um comprometimento ainda maior das principais avenidas da cidade, à medida que naturalmente solucionamos uma dificuldade que – ainda que seja relativamente menor em relação a outras capitais – apresenta uma problemática futura. Estamos pensando em Cuiabá de forma vanguardista, vislumbrando seus próximos 15 e 30 anos, com a certeza de que este progresso é um procedimento natural e iminente e é gratificante saber que os representantes da população aprovam esse sonho, que faz parte do imaginário de qualquer cuiabano”, afirmou o prefeito Emanuel Pinheiro.

Garantindo conforto, agilidade, tranquilidade e uma trafegabilidade avançada, essas intervenções encurtarão distâncias físicas, conforme também exercem o papel de desbravadoras em se tratando do desenvolvimento estrutural de Cuiabá. Em relação à obra que contempla a Av. Beira Rio e a Ponte Sérgio Motta, sua extensão será de aproximadamente 250 metros, conferindo uma nova rota que interliga a Capital a Várzea Grande. Já o outro viaduto visa desafogar o atual gargalo presente na Avenida das Torres, se estendendo por cerca de 350 metros, em pistas amplas com fluxo contínuo.

O contrato de operação de crédito previamente autorizado será única e exclusivamente destinado para estes dois elevados. Com o prazo para pagamento/amortização da dívida de 96 meses, o financiamento ainda conta com outras vantagens, como 12 meses de carência, conforme ponderou o secretário municipal de Fazenda, Antônio Roberto Possas.

“Além disso, a proposta estipulada pela instituição bancária é realmente interessante e conta com uma taxa de juros de 6%, mais correção monetária, resultando em 9% ao ano. Este investimento é também conduzido sob a prerrogativa do nosso planejamento financeiro, respeitando nossa margem de endividamento, que atualmente está consideravelmente baixa, com uma folga referente a R$ 1,700 bilhão de disponibilidade. E considerando também a dimensão do impacto social dessas intervenções, sua importância se torna inerente e necessária para certificar a modernização da infraestrutura viária da nossa cidade”, concluiu o gestor.

Com Assessoria 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

DESTAQUES

Cidadãos armados enfrentam criminoso e evitam um possível massacre em loja do Walmart de...

Jovem encontra ex assistindo a Copa com outro e parte para cima dela com...

Armas para todos!

Jovem bate em namorada e tenta atropelá-la de caminhão por ela o mandar tomar...

Polícia Militar, Civil e até Exército são acionados por causa de confusão em festa

Bairro Cuiabá História Municípios Policia
Colégio de Presidentes da OAB-MT cobra da PGE transparência na programação do pagamento de dativos
O que está por trás da “estadualização” do Parque Nacional de Chapada?
Inscrições para prêmio mundial em educação estão abertas
Assembléia Legislativa Câmara Municipal Eleições 2018 Governo Judiciário Partidos Prefeitura
TCE cita atrasos aos municípios mas dá parecer favorável às contas de Taques
Redes sociais terão que informar publicações impulsionadas por pré-candidatos
Taques se perdeu em algum ponto do caminho que começou em 2015
Agricultura Agropecuária Economia Agrícola Indicadores Agrícolas Pecuária Tecnologia Agrícola
Retirada da vacinação contra a febre aftosa é tema de encontro em Cuiabá
Tangará da Serra recebe pacote de investimentos em todas as áreas
CNA e governo vão atuar na prevenção e no combate à criminalidade no campo
Artes Cênicas Artes Plásticas Artesanato Cinema Comportamento Cultura Popular Gastronomia LIteratura Música
Roupa Nova confirma show em Cuiabá no dia 20 de julho; ingressos à venda
Concerto gratuito reúne coral infanto-juvenil e orquestra de câmara na UFMT
Cuiabá recebe, em 23 e 24 de junho, primeira Mostra de Dança Infantil
Corrupção Economia Eleições Estados Política
Seleção brasileira começa a se preparar para enfrentar a Costa Rica
Obesidade atinge quase 20% da população brasileira, mostra pesquisa
Prédios de nove delegacias serão inaugurados pela Polícia Civil
Concurso Dicas Estágio Vagas de Emprego no Mato Grosso
Por até R$ 23 mil, concurso da Polícia Federal oferece 500 vagas
Senai Distrito Industrial abre 590 vagas em cursos com início das aulas em junho e julho
ONG que promove desenvolvimento jovem internacional abre seleção para membros
X