|Quarta-feira, 15 agosto 2018
(Foto: Ednilson Aguiar/O Livre)

Pivetta deve ser vice de Mauro Mendes na corrida ao governo

Quatro nomes são cotados para a vaga remanescente ao Senado: Fávaro, Sachetti, Medeiros e Selma Arruda

206
COMPARTILHECOMPARTILHE

Definidas as candidaturas do ex-prefeito de Cuiabá Mauro Mendes (DEM) e Jayme Campos (DEM) ao Senado, as atenções internas já se voltaram, na noite desta segunda-feira (11), para a definição do restante da chapa que, pelo que indicou pesquisa encomendada pelo partido, tem chances reais de vitória no pleito deste ano. O nome mais cotado a vice – e que conta com a simpatia de Mauro Mendes – é o do ex-prefeito de Lucas do Rio Verde, Otaviano Pivetta (PDT).

A composição, para além das simpatias pessoais, tem um componente pragmático: Pivetta é rico. Dessa forma, Mauro, que anda às voltas com a recuperação judicial das suas empresas, teria que gastar menos. Por outro lado, acreditam pessoas envolvidas nas negociações do partido, ele poderia atrair a simpatia de um eleitorado de fora da capital, que ainda não conhece Mendes.

Se no campo da vice Pivetta desponta como franco favorito, o mesmo não pode ser dito a respeito dos postulantes ao cargo que resta na composição majoritária, de candidato ao Senado. Como neste ano estão em jogo duas vagas para a câmara alta do país, Jayme ocupará uma dessas candidaturas e a outra está dividida entre três nomes mais fortes e um que corre por fora.

Segundo fontes próximas à cúpula do DEM em Mato Grosso, o ex-vice-governador Carlos Fávaro (PSD) agrada ao grupo, tanto pelo perfil, quanto pelo tempo de campanha de televisão que ele acrescenta com o PSD. O atual senador José Medeiros (Podemos) também é cotado para o cargo, assim como o deputado federal Adilton Sachetti (PRB).

Por fora, corre o nome da ex-juíza Selma Arruda (PSL). Na visão dos demistas, ela seria um bom nome para a composição, mas eles acreditam que o pré-candidato à presidência Jair Bolsonaro (PSL) barraria a composição, já que ele é concorrente do também pré-candidato do PDT, Ciro Gomes – correligionário de Pivetta.

 

COMENTÁRIOS

Deixe um comentário

Please enter your name here
Please enter your comment!

DESTAQUES

Bairro Cuiabá História Municípios Policia
Servidora se nega a vacinar criança em posto de saúde e polícia precisa intervir
Grupo furta 15 toneladas de cabos de cobre em Várzea Grande e acaba preso
Caixa Econômica coloca 214 imóveis usados à venda em Mato Grosso
Assembléia Legislativa Câmara Municipal Eleições 2018 Governo Judiciário Partidos Prefeitura
Taques defende Fiúza e diz que ele sempre foi seu primeiro suplente
Em Mato Grosso, Bolsonaro lidera pesquisa à presidência com 35% dos votos
Jayme Campos e Nilson Leitão seriam eleitos senadores se o pleito fosse hoje
Agricultura Agropecuária Economia Agrícola Indicadores Agrícolas Pecuária Tecnologia Agrícola
Credores bloqueiam dinheiro de venda de terras de Olacyr de Moraes à Amaggi
Projeto do Sistema Famato viabiliza integração com instituições de pesquisa
Consultores de 2,5 milhões de hectares participam do 2º I-FAST Intech Conference
Artes Cênicas Artes Plásticas Artesanato Cinema Comportamento Cultura Popular Gastronomia LIteratura Música
João Manteufel revisita produção e lança o curta “Palavras” nesta terça no Cine Teatro
‘Festa das Patroas’ chega a Cuiabá com shows de Marília Mendonça e Maiara & Maraísa
MC Breno Dz6 protagoniza novo episódio do projeto MARGinART; confira vídeo
Corrupção Economia Eleições Estados Política
Caixa Econômica coloca 214 imóveis usados à venda em Mato Grosso
Estudo mostra que Zika chegou ao Brasil proveniente do Haiti
Seis em cada dez crianças no Brasil vivem na pobreza, diz Unicef
Concurso Dicas Estágio Vagas de Emprego no Mato Grosso
Sejudh abre concurso para agentes penitenciários com salários de até R$ 3 mil
Sine Municipal oferece 78 novas oportunidades para quem deseja retornar ao mercado de trabalho
Mutirão de Empregabilidade oferece mais de 2 mil vagas de emprego e cursos de capacitação em Cuiabá
X