|Terça-feira, 19 Fevereiro 2019

Ivan Belém celebra 40 anos de carreira com estreia de monólogo multimídia no Teatro do Sesc

"Progresso" tem autoria de Eduardo Mahon e direção geral e de vídeo de Luiz Marchetti; apresentação será na próxima terça-feira

COMPARTILHECOMPARTILHE

Em comemoração aos 40 anos de carreira artística, o ator Ivan Belém estreia seu mais novo trabalho, o monólogo “Progresso”, de autoria do escritor Eduardo Mahon e direção geral de Luiz Marchetti. O espetáculo multimídia conta com encenação teatral e audiovisual de cinema expandido, em 40 minutos que proporcionam reflexões sobre o homem, a cidade e o tempo em meio a transformações simultâneas da cultura local e nacional.

A apresentação acontece na próxima terça-feira (16), às 20h, no Teatro do Sesc Arsenal, com classificação indicativa de 16 anos. Os ingressos custam 1 litro leite UHT ou R$ 5,00 e R$ 2,50 (meia entrada) e podem ser retirados a partir das 19h no local; para comerciários e seus dependentes, a entrada é gratuita.

Além de ator, Ivan Belém é historiador, “o Clown que virou Doutor”, como definiu o dramaturgo Luiz Carlos Ribeiro, um expoente que acumula rica trajetória cênica desde o Grupo Gambiarra – precursor do teatro de rua da cidade de Cuiabá e de Mato Grosso.

“Em hebraico a palavra Belém significa Casa do Pão. Nome mais do que apropriado a quem, durante 40 anos, vem fabricando o pão da arte, esse alimento do espírito tão indispensável à vida.  E com muito humor debochado e crítico nos faz rir e pensar. O que não é pouco. Emoção e razão bem casados fazem dessa longa trajetória uma contribuição ímpar ao teatro mato-grossense”, escreveu a cineasta e teatróloga, Glorinha Albues.

Além de Ivan Belém, o processo criativo da obra, que teve início em 2017, reúne expoentes das artes mato-grossenses em seu comando e produção. A escrita de Eduardo Mahon, segundo Cristina Campos, surpreende, novamente, ao abranger ainda mais seu leque de publicações nas quais se aventura por gêneros distintos.

“Destacam-se a exploração criativa do insólito, do humor bizarro e da ironia fina e aguda pelos quais expõe as mazelas humanas. Agora, o autor estreia sua faceta dramatúrgica brindando-nos com um monólogo sobre a decadência de uma cidade provinciana através de um cidadão moribundo. Qualquer semelhança com pessoas ou situações retratadas não será mera coincidência”, revela a escritora.

Parte da equipe de “Progresso”

Já a direção geral e de vídeo é do cineasta e diretor Luiz Marchetti e a obra conta com as participações do ator e escritor Caio Ribeiro, na assistência de direção, e engenheiro e bonequeiro Douglas Peron, na montagem.

“Progresso me parece um trem fantasma desgovernado num parque de diversões chamado Cuiabá. Você e suas lembranças em flashes, num trilho/trailer de terror com pausas para o próximo susto. Ali você pode (e vai) até rir. Neste palco do Casarão Cuiabano a quarta parede é virada ao avesso, dali no cinema das memórias, com palavrões e preconceitos projetados, seu inconsciente passa a limpo em alta velocidade. Você com um remédio atrás do outro, você na janela, você sozinho, a cadeira de balanço sem você”, escreveu Marchetti.

Ivan Belém

Cena final de “Progresso”

Ivan Belém nasceu às margens do Rio Cuiabá, no município de Barão de Melgaço. Sua família mudou-se para Cuiabá com o bebê ainda recém-nascido e se fixou no bairro da Lixeira, onde vive até hoje, na mesma casa. Foi neste bairro durante a infância que conheceu o teatro, de forma improvisada no quintal dos vizinhos.

Na adolescência, entrou para o grupo de teatro do SESI, dirigido por Camilo Ramos dos Santos, e, mais tarde, fundou o Grupo Gambiarra, dedicando-se ao teatro infantil. Em sua segunda formação, o Gambiarra passou a ter uma orientação mais política e tornou-se o primeiro grupo de Teatro de rua de Mato Grosso.

O grupo se dissolveu e Ivan Belém passou a formar dupla com o ator Liu Arruda, numa parceria de dez anos, atuando em bares, quintais e outros espaços alternativos. Assim surgiram as primeiras comadres do teatro mato-grossense: Nhara e Creonice, interpretadas, respectivamente, por Liu e Ivan, inaugurando, assim, um gênero de comédia com identidade genuinamente cuiabana.

Com a morte de Liu Arruda, em 1999, Ivan retomou as funções acadêmicas na UFMT, como pesquisador. Graduado em História, fez mestrado e doutorado em Educação, resultando daí a publicação de dois livros: “A Baía de Tchá Mariana: Mitopoéticas Africana e Pantaneira nos círculos de aprendizagens ambientais” e “Liu Arruda: a Travessia de um Bufão”.

Paralelamente deu continuidade ao Grupo Gambiarra, agora com sua terceira formação, encenando peças de autores mato-grossenses. Além do teatro, atua também em circo, vídeo, rádio, TV e cinema.

O diretor Luiz Marchetti, a produtora Karine Mattos e o ator Ivan Balém

Ficha Técnica

Ator: Ivan Belém
Peça teatral e ideia original: Eduardo Mahon
Direção Geral, Roteiro e direção de Video: Luiz Marchetti
Assistente de Direção: Caio Ribeiro
Produção: Karine Mattos
Produção executiva: Jose Paulo traven
Cenografia: Douglas Peron
Figurino: Einstein Halking
Maquiagem: Deia Okamura
Sonoplastia: Ricardo Porto
Luz: Priscila Freitas
Edição de vídeo e colorista: Jessica Ribeiro
Fotografia: Heitor Magno
Cinegrafista: Jorge Queiroz e Luiz Marchetti
Arte: Carolina Argenta
Gravação em estúdio: José Curvo
Participações especiais: Maria Ribeiro, Lucia Palma, Carlinhos Ferreira, Wagton Douglas, Caio Ribeiro, Joyce Belem, Alessandra Barbosa, Justino Astrevo e o ator mirim Davi Luiz De Oliveira Moreira.

(Com assessoria)

Deixe um comentário

Please enter your name here
Please enter your comment!

LINKS PATROCINADOS

DESTAQUES

Bairro Cuiabá História Municípios Policia
MTI e Detran selam termo de compromisso para modernizar sistemas tecnológicos
Denunciada por estudantes, suspeita de fraude nas cotas da UFMT é investigada pelo MPF
Pacientes não conseguem retirar medicamentos na Farmácia de Alto Custo
Assembléia Legislativa Câmara Municipal Eleições 2018 Governo Judiciário Partidos Prefeitura
Ulysses indica juiz à vaga de conselheiro e defende critérios para escolha
MPE vai investigar a distribuição de medicamentos em Cuiabá
Audiências com delatores da Rêmora são adiadas na Sétima Vara Criminal
Agricultura Agropecuária Economia Agrícola Indicadores Agrícolas Pecuária Tecnologia Agrícola
Madeireiros passam a conviver com período de “piracema” florestal
Produção orgânica e a um preço mais em conta: conheça a Horta Terra Estrela
Mourão, sobre infraestrutura: “Fácil não é; se fosse fácil não seria para nós”
Artes Cênicas Artes Plásticas Artesanato Cinema Comportamento Cultura Popular Gastronomia LIteratura Música
Cine Teatro Cuiabá recebe espetáculo sobre conscientização ambiental e patrimônio público
Cuiabá ganha SPA conceito com a assinatura de Guilherme Bravo
Artista plástico de Poxoréu muda o cenário da cidade
Corrupção Economia Eleições Estados Política
Bolsonaro irá ao Congresso entregar texto da reforma da Previdência
“Melhor programa de governo a ser seguido por um filho é não atrapalhar o pai”
Fiscalização apreende 104 celulares e drogas em presídio de Campos
Concurso Dicas Estágio Vagas de Emprego no Mato Grosso
Prefeitura convoca novos profissionais para creches
MT dobrou número de novos empreendedores em apenas 5 meses
Convocados para vagas de Profissionais Técnicos da Unemat tem até terça para assinar contrato
X