|terça, 17 Julho 2018

    Governo não vai mais fazer repasses a hospitais filantrópicos

    COMPARTILHECOMPARTILHE

    Ednilson Aguiar/O Livre

    Hospital Santa Casa De Misericórdia De Cuiabá

    Santa Casa De Misericórdia De Cuiabá

    O governador de Mato Grosso, Pedro Taques (PSDB), informou que o Estado não irá mais fazer repasses para hospitais filantrópicos. Ele destacou que fez repasses nos últimos três meses para ajudar as unidades, mas declarou que essa não é uma obrigação do Executivo.

    “O governo não tem condições nem obrigação legal de fazer repasse aos filantrópicos”, afirmou Taques, em entrevista coletiva na segunda-feira (7). “Fizemos durante três meses porque foi um acordo que eu fiz com eles. Foi um desejo meu naquele momento, em razão de que tínhamos essa possibilidade”, completou.

    Segundo o Gabinete de Comunicação (Gcom), o governo repassou R$ 7,5 milhões a cinco hospitais entre dezembro de 2016 e fevereiro de 2017: Santa Helena, Hospital Geral Universitário (HGU), Hospital do Câncer e a Santa Casa de Misericórdia, todos em Cuiabá, além da Santa Casa de Rondonópolis.

    O Gcom informou que esse valor foi um repasse emergencial para ajudar as instituições, autorizado por portaria, e que tinha prazo determinado. “Com os hospitais filantrópicos não existe diretamente nenhum contrato e nenhuma dívida”, afirmou o governo em nota.

    “Com os hospitais filantrópicos não existe diretamente nenhum contrato e nenhuma dívida”

    De acordo com a nota, o fim dos repasses foi informado aos dirigentes dos hospitais em 18 de julho, em reunião com o governador Pedro Taques e representantes da Secretaria de Saúde.

    Dívidas da saúde
    Na coletiva, Taques afirmou ainda que pagou, durante o mês de julho, R$ 100 milhões em atrasados aos municípios.

    Em maio os atrasos chegaram a R$ 162 milhões. Na época, os prefeitos se mobilizaram para cobrar do governo os repasses da saúde básica e de unidades hospitalares municipais.

    Desde então, ganhou força o debate para injetar recursos na saúde. Uma das propostas é usar recursos do Fundo de Transporte e Habitação (Fethab). A discussão sobre qual fatia do fundo financiaria o setor gerou polêmica entre os prefeitos, representantes de entidades do agronegócio e governo. Ainda não houve uma definição sobre o assunto.

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your name here
    Please enter your comment!

    DESTAQUES

    Bairro Cuiabá História Municípios Policia
    Estado de Mato Grosso não deve autorizar desmates na APA Cabeceiras do Rio Cuiabá
    Parque Serra Azul registra terceiro foco de incêndio em 2018
    Esposa é ameaçada pela ex-amante do marido em Sinop
    Assembléia Legislativa Câmara Municipal Eleições 2018 Governo Judiciário Partidos Prefeitura
    “A eleição está chegando e já tem político tentando me calar nas redes sociais”, diz Taques sobre determinação judicial
    Taques põe “panos frios” em críticas de Lucimar: “Várzea Grande sempre merece mais”
    Mato-grossenses têm R$123 mi liberados de restituição do IR; consulte o lote
    Agricultura Agropecuária Economia Agrícola Indicadores Agrícolas Pecuária Tecnologia Agrícola
    Santander lidera queixas a bancos no trimestre, diz Banco Central
    Fenabrave traz para MT debate sobre o cenário político do país
    Saldo da balança do agro em junho é de US$ 8,17 bilhões
    Artes Cênicas Artes Plásticas Artesanato Cinema Comportamento Cultura Popular Gastronomia LIteratura Música
    Líder quilombola Nezinho teria sido agredido por policial durante festa tradicional em Mata Cavalo
    Protagonista de “Todo Mundo Odeia o Chris” tem interesse em gravar um reboot da série
    Confira o primeiro teaser de Doctor Who com Jodie Whittaker
    Corrupção Economia Eleições Estados Política
    Por dia, 37 crianças são vítimas de intoxicação ou envenenamento
    Chanceler brasileiro viaja para negociar acordo entre Mercosul e UE
    Mais de 3,3 milhões de contribuintes recebem hoje restituição do IR
    Concurso Dicas Estágio Vagas de Emprego no Mato Grosso
    Concursos públicos pagam salários até R$20 mil; confira lista
    Prefeitura de Tapurah lança Concurso Público com mais de 90 vagas
    Sine Municipal de Sinop disponibiliza mais de 70 vagas de emprego
    X