|Terça-feira, 19 Fevereiro 2019
(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

Com duodécimo menor que o esperado, TJ estuda corte de Comarcas

Presidente Carlos Alberto determinou estudo que pode resultar no fechamento de sete unidades

COMPARTILHECOMPARTILHE

Com a limitação no orçamento, por não ter conseguido o aumento desejado no duodécimo, o presidente do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT), Carlos Alberto da Rocha, começou a colocar em prática o que tem declarado que faria desde que foi eleito para presidir o órgão no biênio 2019/2020: sem dinheiro, algumas comarcas deverão “entrar na faca”.

Conforme publicação no Diário da Justiça Eletrônico (DJE) de segunda-feira (11), Carlos Alberto determinou que setores façam levantamentos específicos para avaliar o rendimento de sete comarcas do Poder Judiciário, sendo elas Nortelândia, Poxoréo, Dom Aquino, Arenápolis, Pedra Preta, Juscimeira e Itiquira.

Ao justificar a medida, ele observa que “é do conhecimento de toda a população do Estado” que o governo implantou “rigorosas medidas de ajuste econômico”, como, justamente, o limite dos gastos programados por meio da Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2019, e que tais ajustes resultaram na redução de gastos com programas a serem desenvolvidos pelo Judiciário, “bem como desaceleração de invés concursos, além de aumento do risco de interrupção das atividades judiciais em algumas Comarcas”, escreveu.

Assim, ele determinou que sejam levantados o número total de processos em cada Comarca, bem como o número de ações ajuizadas nos últimos 12 meses; o total de servidores e terceirizados que atuam nas unidades; as condições da estrutura física e a distância até a Comarca mais próxima.

Ele determinou ainda o levantamento do gasto de material de expediente/consumo utilizado e valores pagos em manutenção do funcionamento das unidades; além de considerar se os magistrados que atuam são titulares ou designados.

Apesar do início do estudo, não há informações se todas as unidades listadas serão fechadas, bem como quando o corte deverá acontecer.

Deixe um comentário

Please enter your name here
Please enter your comment!

LINKS PATROCINADOS

DESTAQUES

Bairro Cuiabá História Municípios Policia
MTI e Detran selam termo de compromisso para modernizar sistemas tecnológicos
Denunciada por estudantes, suspeita de fraude nas cotas da UFMT é investigada pelo MPF
Pacientes não conseguem retirar medicamentos na Farmácia de Alto Custo
Assembléia Legislativa Câmara Municipal Eleições 2018 Governo Judiciário Partidos Prefeitura
Ulysses indica juiz à vaga de conselheiro e defende critérios para escolha
MPE vai investigar a distribuição de medicamentos em Cuiabá
Audiências com delatores da Rêmora são adiadas na Sétima Vara Criminal
Agricultura Agropecuária Economia Agrícola Indicadores Agrícolas Pecuária Tecnologia Agrícola
Madeireiros passam a conviver com período de “piracema” florestal
Produção orgânica e a um preço mais em conta: conheça a Horta Terra Estrela
Mourão, sobre infraestrutura: “Fácil não é; se fosse fácil não seria para nós”
Artes Cênicas Artes Plásticas Artesanato Cinema Comportamento Cultura Popular Gastronomia LIteratura Música
Cine Teatro Cuiabá recebe espetáculo sobre conscientização ambiental e patrimônio público
Cuiabá ganha SPA conceito com a assinatura de Guilherme Bravo
Artista plástico de Poxoréu muda o cenário da cidade
Corrupção Economia Eleições Estados Política
Bolsonaro irá ao Congresso entregar texto da reforma da Previdência
“Melhor programa de governo a ser seguido por um filho é não atrapalhar o pai”
Fiscalização apreende 104 celulares e drogas em presídio de Campos
Concurso Dicas Estágio Vagas de Emprego no Mato Grosso
Prefeitura convoca novos profissionais para creches
MT dobrou número de novos empreendedores em apenas 5 meses
Convocados para vagas de Profissionais Técnicos da Unemat tem até terça para assinar contrato
X