|Quarta-feira, 18 Julho 2018

Após 36 dias, bebê indígena recebe alta da Santa Casa e segue para Canarana

A guarda e outros desdobramentos do caso estão sendo discutidos em audiência nesta tarde

COMPARTILHECOMPARTILHE

A bebê indígena enterrada viva pela avó acaba de receber alta da Santa Casa de Misericórdia de Cuiabá. Na tarde desta quarta-feira (11), ela será levada de avião até Canarana (a 873 km de Cuiabá), onde deverá ficar sob os cuidados da Assistência Social do município.

O LIVRE conversou com uma profissional que trabalha na Casa da Criança Higyno Penasso, que a acolherá. Ela não sabe precisar o tempo em que a bebê permanecerá por lá. “Agora tudo depende da Justiça, mas estamos todos nos preparando para recebê-la nesta tarde”.

De acordo com o promotor Matheus Pavão de Oliveira, que acompanha o caso, uma audiência ocorre neste momento para definir seus desdobramentos.

A bebê foi encontrada por policiais no dia 05 de junho, em Canarana. A recém-nascida ficou enterrada por mais de quatro horas e o resgate causou comoção popular, gerando uma corrente de orações.

De acordo com o delegado responsável pelo caso, Deuel Paixão Santana, ele planeja ouvir a avó. O pai e a mãe da criança já foram ouvidos e pedem a guarda da filha. “Tanto o pai quanto a mãe disseram que querem a bebê, mas precisamos avaliar a situação e prezar pela segurança da criança”.

Dada a repercussão no caso, a polícia passou a investigar o ocorrido e uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), denominada “Maus Tratos” foi aberta no Senado Federal e o Ministério Público Estadual (MPE ) ofereceu denúncia contra os familiares da adolescente.

Atualmente, a avó da jovem, acusada de ter praticado o crime, encontra-se detida em uma sala da Fundação Nacional do Índio (Funai) por determinação judicial.

Leia mais:

Policiais salvam bebê enterrada viva por avó indígena
Bebê indígena continua em estado grave, mas quadro é estável
MPE denuncia bisavó de bebê indígena por tentativa de homicídio duplamente qualificado
CPI dos Maus-Tratos vai investigar caso de bebê indígena enterrada viva
Bebê indígena continua em estado grave, mas reage bem a tratamento
Bebê indígena passa por cirurgia; médicos falam em “melhora significativa”

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

DESTAQUES

Bairro Cuiabá História Municípios Policia
Sindicato presidido por irmão de Milan define apoio à oposição na eleição da FIEMT
Ministério reforça ações de combate às fake news sobre vacinas
Polícia Civil apreende 340 kg de cocaína em aeronave em MT; veja fotos
Assembléia Legislativa Câmara Municipal Eleições 2018 Governo Judiciário Partidos Prefeitura
Arcanjo descumpre regras do semiaberto e é intimado pela Justiça
Taques insinua que gostaria de entregar governo para deputado
“Sem MDB, o impeditivo está afastado”, diz Selma sobre apoio a Wellington
Agricultura Agropecuária Economia Agrícola Indicadores Agrícolas Pecuária Tecnologia Agrícola
Leilão de elite movimenta mais de R$ 800 mil durante AgroMT
Governo antecipa primeira parcela do 13º de aposentados e pensionistas
Feira em São Paulo expande o mercado da madeira nativa de Mato Grosso
Artes Cênicas Artes Plásticas Artesanato Cinema Comportamento Cultura Popular Gastronomia LIteratura Música
Sesc Rondonópolis terá sessão voltada para a realidade brasileira até o fim do mês
Humorista cuiabano é criticado nas redes por comparar filho de Will Smith a “flanelinha”
Cuiabano participará de reality show de fotografia: “encorajou a me lançar como artista”
Corrupção Economia Eleições Estados Política
Justiça Eleitoral abre habilitação para voto em trânsito
Conta de luz subirá até 3,86% com reajuste de receita de hidrelétricas
Decretada prisão temporária de cirurgião que operava em casa no Rio
Concurso Dicas Estágio Vagas de Emprego no Mato Grosso
Inscrições para concurso da Educação são prorrogadas; veja prazos
Concursos públicos pagam salários até R$20 mil; confira lista
Prefeitura de Tapurah lança Concurso Público com mais de 90 vagas
X